Img 2022 11 NOV d 21 - GovES SEDU

Rede Estadual realiza atividades em alusão ao Dia da Consciência Negra

As unidades escolares da Rede Pública Estadual de Ensino realizaram ações em alusão ao Dia da Consciência Negra, lembrado nesse domingo (20). As ações foram variadas e envolveu as comunidades escolares para refletirem sobre a importância e relevância do tema no ambiente escolar.

Entre as unidades que realizaram atividades está a Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Honório Fraga, localizada no município de Colatina. Os estudantes participaram atividades como: roda de conversa, feira gastronômica, palestra, pintura em tela, stands e peças teatrais, visando a uma abordagem interdisciplinar e lúdica sobre o tema “Racismo Estrutural e a Cultura Afro-Brasileira”.

“A incorporação da história e cultura africana e afro-brasileira à escolarização propicia diversas perspectivas fundamentais para a proposição de uma pedagogia antirracismo”, afirmou o diretor da unidade, Camilo Paulo Dominici

O estudante Dearli de Jesus Almeida Júnior, participou das atividades e formou sua opinião. “As ações desenvolvidas nesses dias foram muito relevantes para a nossa formação humana, trouxe para o debate o crescimento da intolerância, o racismo estrutural e as discrepâncias que existem entre negros e brancos em nosso país. Acendeu o alerta para a necessidade de implementação de políticas públicas que visam corrigir essas questões”, disse o aluno.

Por meio da eletiva “Papo de Preto”, os alunos da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Teófilo Paulino, localizada em Domingos Martins, montaram uma exposição fotográfica, sobre vários temas e situações cotidianas relacionadas à valorização da cultura negra e o combate ao racismo.

“Em uma comunidade com tantos imigrantes como a nossa, trabalhar esse assunto faz com que nossos estudantes compreendam as diferenças culturais que estão ao redor de suas residências”, pontuou a coordenadora pedagógica Bernadete Gama Gomes Poeys.

Dia da Consciência Negra

O Dia da Consciência Negra é lembrado, no Brasil, em 20 de novembro. Criado em 1971, foi formalizado nacionalmente em 2003, como marco no calendário escolar, até ser instituído no calendário oficial, em 2011. A ocasião é dedicada à reflexão sobre o valor e a contribuição da comunidade negra para o Brasil.

(DA REDAÇÃO \\ Guth Gutemberg)

(INF.\FONTE: AssCom SEDU \\ Mirela Marcarini/Soraia Camata)

(FT.\CRÉD.: AssCom SEDU \\ Divulgação)